|
Escrito por Super User
Acessos: 99

Roglic e a Jumbo-Visma na etapa final da Volta a Espanha 2020 Foto: Unipublic/Charly López

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

O esloveno Primoz Roglic e sua equipe, a Jumbo-Visma, encerraram a temporada 2020 em primeiro lugar no ranking do ciclismo de estrada da UCI (União Ciclística Internacional), de acordo com a atualização divulgada nesta terça-feira (10 de novembro) pela entidade. No ciclismo de estrada feminino a bicampeã mundial Anna van der Breggen e a equipe Trek-Segafredo ficaram em primeiro.

 

Roglic, depois de conquistar pelo segundo ano seguido a vitória da Volta a Espanha, superou o compatriota e vencedor do Tour de France, Tadej Pogacar. O ciclista da UAE Emirates, vale destacar, não disputou a Vuelta, depois de ter ficado em terceiro em 2019.

Roglic, que também terminou em primeiro lugar o ranking UCI do ano passado, conquistou quatro vitórias em etapas na Espanha antes de sua segunda vitória geral em Madrid. Na atualização do ranking, o esloveno aparece com 4.237 pontos. Pogacar encerrou com 3.055 de Pogacar e Wout van Aert (Jumbo-Visma), o 3º colocado, com 2.700 pontos.

Mathieu Van der Poel (Alpecin-Fenix) ficou em 4º, Jacob Fuglsang (Astana) em 5º e Julian Alaphilippe (Deceuninck-QuickStep) em 6º.

O único brasileiro que aparece no ranking é Vinicius Rangel, que pontuou na Volta de San Juan, na Argentina, quando terminou em 5º na classificação geral da Sub-23 no início da temporada e ocupa a posição 1.677, com 5 pontos. Por causa do jovem ciclista de 19 anos, que hoje compete na Espanha, o Brasil entrou no ranking com os 5 pontos e ocupa a 92ª colocação entre as 94 nações que pontuaram, caindo duas colocações em relação a 2019. 

Pogacar e Roglic na chegada no Grand Colombier na 15ª etapa do Tour

Além dos 850 pontos pela vitória na Vuelta, Roglic somou 800 por ficar em segundo no Tour, 500 por vencer a Liège-Bastogne-Liège e 580 por suas seis vitórias em etapas na Vuelta, Tour e Critérium du Daupiné. Pogacar, por sua vez, conquistou mais da metade de seus pontos – 1.585 – no Tour de France.

Anna van der Breggen conquista vitória solo no Mundial de 2020

No ranking feminino, Anna van der Breggen, de Boels Dolmans, ficou em primeiro lugar pela primeira vez desde 2015. A holandesa lidera desde 6 de outubro e alcançou o primeiro lugar, à frente de Elisa Longo Borghini, da Trek-Segafredo, com 2.560,67 pontos. A italiana encerrou com 2.532,33 e Annemiek Van Vleuten (Mitchelton-Scott), a 3ª colocada, com 2.226 pontos.

Nesta temporada, Van der Breggen conquistou o título mundial e também venceu o Giro Rosa, além de faturar sua sexta vitória consecutiva na La Flèche Wallonne.

Na classificação por equipes, a vitória de Roglic na Vuelta ajudou a Jumbo-Visma a ultrapassar a Deceuninck-QuickStep, com quatro nomes no Top 20 individual, e assumir a liderança. A UAE Emirates ficou em 3º.

No ranking das equipes femininas, a Trek-Segafredo ficou em primeiro lugar graças a Longo Borghini, Elizabeth Deignan (5ª no ranking individual) e Ellan van Dijk (10ª no ranking individual). A Holanda, porém, emplacou oito ciclistas no Top 20.

A equipe norte-americana bateu a Boels Dolmans e a Michelton-Scott, que ficaram em 2º e 3º.

CONFIRA

MASCULINO

RANKING INDIVIDUAL 
1 Primoz Roglic (Slo) Jumbo-Visma 4237
2 Tadej Pogacar (Slo) UAE Team Emirates 3055
3 Wout van Aert (Bel) Jumbo-Visma 2700
4 Mathieu van der Poel (Hol) Alpecin-Fenix 2040
5 Jakob Fuglsang (Din) Astana Pro Team 1961
6 Julian Alaphiliippe (Fra) Deceuninck-QuickStep 1795.83
7 Richie Porte (Aus) Trek-Segafredo 1733
8 Diego Ulissi (Ita) UAE Team Emirates 1671
9 Arnaud Demare (Fra) Groupama-FDJ 1550
10 Marc Hirschi (Sui) Sunweb 1430
11 Richard Carapaz (Equa) Ineos Grenadiers 1406.5
12 Aleksandr Vlasov (Rus) Astana Pro Team 1399
13 João Almeida (Por) Deceuninck-QuickStep 1370.33
14 Maximilian Schachmann (Ale) Bora-Hansgrohe 1360
15 Wilco Kelderman (Hol) Sunweb 1328
16 Florian Senechal (Fra) Deceuninck-QuickStep 1325
17 Tao Geoghegan Hart (GBr) Ineos Grenadiers 1292
18 Guillaume Martin (Fra) Cofidis 1262
19 Pascal Ackermann (Ale) Bora-Hansgrohe 1248
20 Remco Evenepoel (Bel) Deceuninck-QuickStep 1193

RANKING EQUIPES
1 Jumbo-Visma 9919
2 Deceuninck-QuickStep 9776.16
3 UAE Team Emirates 8503
4 Ineos Grenadiers 7628.33
5 Team Sunweb 7582.71
6 Bora-Hansgrohe 6738.5
7 Astana Pro Team 6612
8 Trek-Segafredo 6591
9 Groupama-FDJ 5614
10 EF Pro Cycling 5576.99

RANKING NAÇÕES
1 França 9542.83
2  Eslovênia 8824
3 Bélgica 8530
4 Itália 7375
5 Austrália 6468
6 Holanda 6249
7 Dinamarca 5423
8 Grã-Bretanha 5299.16
9 Alemanha 5242.83
10 Espanha 4992

FEMININO

RANKING INDIVIDUAL 
1 Anna van der Breggen (Hol) Boels Dolmans 2560.67
2 Elisa Longo Borghini (Ita) Trek-Segafredo Women 2532.33
3 Annemiek Van Vleuten (Hol) Mitchelton-Scott 2226
4 Lisa Brennauer (Ale) Ceratizit-WNT Pro Cycling 1943
5 Elizabeth Deignan (Gre) Trek-Segafredo Women 1896.33
6 Marianne Vos (Hol) CCC-Liv 1422.5
7 Liane Lippert (Ale) Team Sunweb 1407.33
8 Lotte Kopecky (Bel) Lotto Soudal Ladies 1380
9 Cecilie Uttrup Ludwig (Din) FDJ Nouvelle-Aquitaine Futuroscope 1287
10 Ellen Van Dijk (Hol) Trek-Segafredo 1123.33
11 Katarzyna Niewiadoma (Pol) Canyon-SRAM 1097
12 Lorena Wiebes (Hol) Team Sunweb 982
13 Lauren Stephens (EUA) Tibco-Silicon Valley Bank 938
14 Margarita Victo Garcia Canellas (Esp) Ale BTC Ljubljana 922.33
15 Demi Vollering (Hol) Parkhotel Valkenburg 909
16 Chantal van den Broeck-Blaak (Hol) Boels Dolmans 825.67
17 Amy Pieters (Hol) Boels Dolmans 804.67
18 Sarah Roy (Aus) Mitchelton-Scott 793
19 Grace Brown (Aus) Mitchelton-Scott 773
20 Marlen Reusser (Sui) Equipe Paule Ka 658.5

RANKING POR EQUIPES
1 Trek-Segafredo Women 6931.98
2 Boels Dolmans 5385.35
3 Mitchelton-Scott 4775
4 Team Sunweb 3847.65
5 Equipe Paule Ka 3222.68
6 CCC-Liv 3138
7 Ceratizit-WNT Pro Cycling 3067.01
8 Ale BTC Ljubljana 2920.32
9 Canyon-SRAM 2770.33
10 FDJ Nouvelle-Aquitaine Futuroscope 2699

RANKING NAÇÕES
1 Holanda 8314,5
2 Itália 4588,33
3 Alemanha 3806,66
4 Grã-Bretanha 3037,5
5 Austrália 2906
6 Bélgica 2139
7 Estados Unidos 2085,66
8 Dinamarca 1913,17
9 Polônia 1612
10 Espanha 1595

Veja todos os rankings no site da UCI