Início

Os servidores que trabalham no Ministério Público Federal de Pernambuco, em Recife, vão ganhar um dia de folga se usarem a bicicleta para trabalhar.

Pois é. Pedalar para o trabalho durante 15 dias é o equivalente a um dia inteiro de folga, graças a uma nova portaria que favorece os servidores do MP.

A comprovação de que a bike foi usada como meio de transporte é feita por meio de registro na portaria do prédio.

Ainda em Pernambuco, os novos motoristas serão habilitados para lidarem com ciclistas e compartilharem as vias, tornando a convivência segura. A medida é parte do projeto “Bicicleta como Modal de Transporte”, parceria entre a Secretaria Estadual das Cidades e o Programa Pedala PE.

A França irá pagar quem for de bike ao trabalho, e na Noruega, já foram promovidos testes para avaliar a adesão dos moradores a esse modal de transporte.

Por Movimento Conviva

Chuva deixou prova mais desafiadora para atletas. Competição aconteceu neste sábado

24 NOV, 2018 Por Gustavo Figueiredo

A Maratona da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB Levorin) foi marcada por muita lama. A chuva acompanhou os atletas durante todo o percurso. Na Super Elite Masculina, Guilherme Muller (Sense Factory Rancing) cruzou a linha de chegada em primeiro lugar, seguido de Hallysson Serra Lucas (Tropix) e Edson Gilmar De Rezende (Caloi Avancini Team) que é Sub23. Na feminina, Letícia Cândido (Equipe Audax-FSA Bike Team) e Tânia Clair (Free Force/Soul Cycle) concluíram a prova em primeiro e segundo lugares, respectivamente. A terceira colocação ficou com a atleta Paula Gallan (Isapa/Oggi).

Foto 70327 
Marcelo Rypl

Guilherme Muller contou que foi duro manter junto com o pelotão. “Estava eu, o Cocuzzi e o Alisson e eu sofri em alguns pontos para me manter conectado no pelotão mas aproveitei para ganhar algum tempo onde eu tinha um pouco de vantagem, que era nas partes técnicas. Consegui tirar a diferença na última sessão de trilha e daí foi na raça, na vontade de vencer para conseguir segurar o ritmo até o final. Foi bem dolorido, bem duro mais a sensação de estar aqui agora na primeira colocação em uma prova de maratona é muito gratificante”, disse Guilherme.A chuva pegou de surpresa o vice-campeão. “Confesso que eu não estava preparado para tanta chuva, para tanto barro, mas eu tentei, arrisquei minha deficiência quanto aos outros atletas já que o Guilherme, o Rubinho e o Cocuzzi são muito técnicos.

Leia mais: CIMTB 2018 #4 - Congonhas - Guilherme Muller e Letícia Cândido vencem a Maratona

Avancini entra na disputa contra outros grandes nomes do esporte nacional para ver quem é o favorito da torcida

26 NOV, 2018 Por Gustavo Figueiredo

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) abriu a votação para o “Atleta da Torcida” do Prêmio Brasil Olímpico (PBO) 2018. A votação foi aberta neste domingo (25) e irá até o dia 18 de dezembro. Dentre os indicados, o MTB nacional está representado por Henrique Avancini, que fez uma temporada 2018 simplesmente brilhante.

Foto 70329 
Divulgação

Vale lembrar que ele entrou para a entrou para a história em setembro ao conquistar o título mundial de mountain bike maratona. Ele também conquistou o segundo posto no ranking masculino de mountain bike da União Ciclística Internacional (UCI) e o 4º lugar geral do campeonato mundial de Cross-Country (XCO), a modalidade olímpica do esporte - feitos nunca antes conquistados por um ciclista brasileiro. De quebra, ele ainda venceu mais um Brasil Ride, na Bahia.Contra ele, concorrem os atletas Ágatha e Duda (vôlei de praia), Arthur Zanetti (ginástica artística), Bruno Fratus (natação), Bruno Rezende (vôlei), Eduarda Amorim (handebol), Érika Miranda (judô), Gabriel Medina (surfe), Letícia Bufoni (skate) e Marta (futebol).Para participar, acesse o link oficial da votação.