|
Escrito por Bikemagazine
Acessos: 213

Tour dos Alpes, ex-Giro de Trentino, revela percurso de 2019

Do Bikemagazine
Foto de divulgação

Os escaladores terão quase 14.000 metros de subida acumulada para enfrentar em cinco etapas no Tour dos Alpes, o antigo Giro de Trentino, cujo percurso da edição de 2019, de 22 a 26 de abril, foi apresentado nesta quarta-feira (21 de novembro) em Milão, na Itália.

Um competição importante para testar as pernas antes do Giro D’Itália (11 de maio a 2 de junho), o Tour dos Alpes vai largar de Kufstein, na Áustria, e terminará em Bolzano, na Itália. Kufstein, vale lembrar, estava no percurso do Mundial de Ciclismo da Elite masculina nesta temporada, em Innsbruck.

A 1ª etapa tem 144 km e apresenta duas subidas categorizadas, bem como uma série de ondulações no final ideal para ataques.

A 2ª etapa é talvez a mais exigente e recebeu uma classificação de dificuldade cinco estrelas pelos organizadores. A etapa tem 178,8 km de Reith im Alpbachtal, atravessando a fronteira italiana até Schenna, com a subida do Tulfes e o poderoso Passo Giovo, que chega a 2.094m de altitude, no caminho. O Passo Giovo (15,1 km a uma inclinação média de 7,5%) é seguido por uma descida longa e rápida, antes de uma subida de 5 km para a linha de chegada em Schenna.

Com apenas 106,3 km, a 3ª etapa, de Salurn a Baselgo di Pinè, é a mais curta de 2019, mas também pode ser a mais explosiva. Depois de um sprint intermediário em Palù di Giovo – casa dos vencedores do Giro Gilberto Simoni e Francesco Moser – o pelotão enfrenta as subidas de Brusago e Lago di Santa Colomba. No final, há a subida de Montagnaga, antes de a estrada ficar plana um pouco antes do final em Baselga di Pinè.

A 4ª etapa tem 134km e começa em Baselga di Pinè, com as subidas de Forcella di Brez e Passo Predaia, que certamente deixarão apenas os escaladores mais fortes do grupo da frente. A seleção decisiva deve ocorrer na curta subida de Puntara, que fica a apenas 5 km do final em Cles, casa do campeão mundial de 1988, Maurizio Fondriest.

O Tour dos Alpes termina com 148,7 km de Caldaro a Bolzano, com as subidas de Colalbo e San Genesio. A etapa apresenta cerca de 3.100 metros de escalada total. O San Genesio é a subida final categorizada da corrida, a 25 km da meta em Bolzano.

O Tour dos Alpes, novo nome do Giro de Trentino desde 2017, espera receber 20 equipes em 2019. Nesta temporada a corrida contou com nove equipes WorldTour (Team Sky, AG2R La Mondiale, LottoNL-Jumbo, Emirates Emirates, Groupama-FDJ, Astana, Dimension Data, Bora-Hansgrohe e Bahrain-Merida), número que pretende aumentar no ano que vem.

AS ETAPAS
Segunda-feira, 22 de abril: etapa 1: Kufstein – Kufstein, 144 km
Terça-feira, 23 de abril: etapa 2: Reith im Alpbachtal – Schena / Scena, 178.7km
Quarta-feira, 24 de abril: estágio 3: Salurn / Salorno – Baselga di Pinè, 106.3 km
Quinta-feira, 25 de abril: etapa 4: Baselga di Pinè – Cles 134km
Sexta-feira, 26 de abril: etapa 5: Kaltern / Caldaro – Bozen / Bolzano 148,7 km

Mais informações no site do evento