|
Escrito por Ride Bike
Acessos: 302

Priscilla Stevaux disputa duas etapas da Copa Latino-Americana de BMX na Bolívia

Em Sucre, na Bolívia, a top 8 do mundo Priscilla Stevaux (Shimano/Dougtraining/Chase Bicycles) estará em ação nas duas primeiras etapas da Copa Latino-Americana de BMX, válida pelo ranking da UCI (União Ciclística Internacional).
Na altitude de 2.800 metros da cidade boliviana de Sucre, Priscilla Stevaux vai encarar neste sábado e domingo o primeiro desafio internacional de sua temporada. Lá serão realizadas as duas primeiras etapas da Copa Latino-Americana, que terá continuidade na Colômbia, Chile e Argentina, entre julho e novembro. “Será a primeira vez que vou competir em Sucre, porém já corri na Bolívia. Espero que a altitude não atrapalhe muito. Já estive no Equador nessas condições. A diferença é grande, mas dá para superar”, destaca Priscilla, ciclista que tem sua bike equipada com componentes DXR da Shimano, de alta qualidade e específicos para o BMX.

Após conquistar um título logo em sua primeira competição no ano, a Taça Brasil de BMX, em São Paulo, Priscilla busca mais um bom resultado, agora na Bolívia, para manter-se entre as primeiras do mundo e ainda preparar-se para os desafios que virão pela frente no semestre. “Minha meta para este final de semana é estar no pódio nos dois dias e conquistar uma boa pontuação para subir no ranking UCI”, define a ciclista de Sorocaba (SP).

“Tenho treinado forte todos os dias de semana, incluindo os sábados e alguns domingos. Na realidade, a preparação está focada nas seis etapas da Copa do Mundo, entre os meses de março e maio, na França, Holanda e Bélgica (rodadas duplas). O objetivo é a participação nos campeonatos válidos pela UCI e quero me preparar nesta pré-temporada para estes grandes eventos. Acreditar, jamais se dar por vencida e nunca se contentar com o desempenho. É isso que me motiva”, finaliza Stevaux, representante do Brasil na Olimpíada Rio 2016.